Quem Somos

A Instituição

Missão

Produzir e disseminar conhecimento nos diversos campos do saber, contribuindo para o exercício da cidadania, preparando profissionais competentes para o mercado de trabalho e melhorando a sociedade, mediante formação humanista, crítica e reflexiva.

Histórico

A história da Faculdade de Tecnologia Alto Médio São Francisco – FAC FUNAM tem berço na Fundação Educacional Alto Médio São Francisco – FUNAM, que foi constituída em 18 de fevereiro de 1978 e teve como fundadores empresários e representantes das empresas do Distrito Industrial de Pirapora e Várzea da Palma e representantes de vários segmentos da comunidade da região, com o objetivo inicial de criar e manter uma escola técnica e posteriormente outras instituições de ensino de diversos graus.

A Escola Técnica Alto Médio São Francisco, com mais de 30 anos de existência, vem suprindo o mercado de trabalho da região do Alto Médio São Francisco, que engloba municípios como Pirapora, Várzea da Palma, Buritizeiro, Lassance, Ibiaí, Jequitaí, entre outros, com técnicos formados em nossos cursos, com o objetivo de desenvolvimento de uma cultura empreendedora.
A Funam – Fundação Educacional Alto-Médio São Francisco é uma entidade de direito privado, sem fins lucrativos, reconhecida como de Utilidade Pública Municipal pela lei nº 767/79 de 07/06/1979, como de Utilidade Pública Estadual pela Lei nº 14.760 de 29/08/2003, com o processo de reconhecimento de Utilidade Pública Federal em andamento e Certificada com Inscrição nº 014 em 05/05/2006 como empresa de Assistência Social Municipal. Mais recentemente foi autorizada a Instituição de Ensino Superior para atender aos anseios dos alunos da Escola Técnica, da comunidade e empresas da região.
A FACULDADE DE TECNOLOGIA ALTO MÉDIO SÃO FRANCISCO – FAC FUNAM traz consigo filosofia centrada no desenvolvimento do conhecimento científico e tecnológico em áreas prioritárias, aliado a uma firme formação de princípios regimentados com o propósito de levar à sociedade muitos profissionais preparados a entender suas responsabilidades na construção progressiva de uma realidade democrática.
A FUNAM e instituições parceiras mantêm também um amplo sistema educacional que ministra cursos que vão do ensino infantil ao ensino médio, englobando ainda programas de ensino técnico-profissionalizante em cidades como Montes Claros, Januária, Janaúba e Curvelo.

Em Montes Claros a estrutura do complexo educacional ao qual a FUNAM está integrada conta com 8 campi, nos quais estão instalados dezenas de laboratórios de ensino, o núcleo de prática jurídica, o centro de especialidades médicas, a farmácia-escola, a clínica de fisioterapia, o spa escola, dois complexos esportivos, além do Hospital das Clínicas Mário Ribeiro da Silveira, integralmente construído com os recursos da instituição. Toda essa estrutura é disponibilizada gratuitamente à população que não pode pagar pelos serviços dentro da filosofia da instituição de promover a assistência atrelada ao aprendizado.

Todos os anos a FUNAM outorga grau a dezenas de estudantes cumprindo a sua missão e contribuindo para o crescimento e desenvolvimento de Pirapora e região.

Corpo Diretor

Edimara Cardoso Versiani Fonseca – Diretora Geral

Eduardo Moreira de Oliveira – Coordenador Administrativo e Financeiro

Corpo Docente


Curso Tecnólogo

A quem interessa?

O curso de tecnólogo não é voltado apenas para estudantes que estão saindo do Ensino Médio. Esse tipo de formação também interessa a profissionais que ainda não possuem diploma de graduação ou que desejam valorizar o currículo na área em que atuam. Por serem mais rápidos e possuírem menos matérias, atendem perfeitamente a quem pretende conciliar os estudos com a atividade profissional.

Qual a diferença entre um curso superior de graduação convencional (bacharelado) e um curso superior de tecnologia (tecnólogo)?
A primeira diferença é o tempo de formação: o curso para tecnólogo possui duração mais rápida, de 2 a 3 anos. A segunda, é que o tecnólogo possui uma formação específica para o mercado de trabalho, enquanto o bacharelado confere uma formação mais abrangente.

O diploma obtido no curso superior de tecnologia é igual ao obtido no curso superior de graduação convencional?
O curso de tecnólogo oferece um diploma de graduação em nível superior exatamente como qualquer outro curso de bacharelado.

Após concluir um curso superior de tecnologia (tecnólogo), o profissional pode dar prosseguimento aos seus estudos realizando cursos de extensão, especialização, mestrado ou doutorado?
A LDB (Lei de Diretrizes e Bases da Educação, Lei 9394/1996) permite que o tecnólogo dê continuidade aos seus estudos em outros cursos e programas de educação superior, como extensão, pós-graduação, mestrado e doutorado. Depende, evidentemente, do interesse do tecnólogo.

Há espaço no mercado para os tecnólogos?
Embora esse tipo de graduação seja recente, ele só cresce no país. As empresas, aos poucos, conhecem esse novo perfil de profissional e verificam que o tecnólogo possui uma formação bastante sólida.

Visão

Ser reconhecida como instituição de excelência em Educação Fundamental, Tecnólogica e Superior no Estado de Minas Gerais

Missão

Produzir e disseminar conhecimento nos diversos campos do saber, contribuindo para o exercício da cidadania, preparando profissionais competentes para o mercado de trabalho e melhorando a sociedade, mediante formação humanista, crítica e reflexiva.

Valores

Cidadania, comprometimento, ética, transparência, educação holística, geração de resultados e responsabilidade socioambiental.